Reflexão: Profissão artesã

Você acredita que artesão/ artesã é uma profissão? Trabalhar com artesanato pode ser uma carreira? Se você respondeu sim para as duas perguntas anteriores eu farei um novo questionamento:  se é uma profissão, uma carreira, por que não pode ter as mesmas dificuldades e exigir o mesmo empenho e dedicação que qualquer outra profissão ou carreira exige? Imagine quanto tempo uma enfermeira se dedica para ter a melhor colocação dentro de um hospital ou quanto é necessário que um vendedor se esforce para atingir suas metas. Falamos sobre isso porque é muito comum ver artesãs desistindo ou reclamando que não conseguem fazer determinado trabalho ou que não vendem nada. Dificuldades e fracassos irão acontecer, mas isso é em qualquer área. A diferença é o quanto você está determinado a ter sucesso no que se dedica. Se vamos tratar o artesanato como profissão, também temos que encarar seus desafios. Fazer, refazer, concertar, melhorar, buscar informação, inovar, e muitas outras coisas que levam a conquista de bons resultados serão exigidos de qualquer um, independente de qual seja o ramo de atuação. Por isso seja FORTE, DETERMINADO E NÃO DESISTA. Apenda, faça diferente, mude de estratégia, saia da zona de conforto, encare as dificuldades e as supere… Seja um artesão/ artesã de sucesso!

Deixe uma resposta